HoloLens ganha site e estará na E3 2015

hololens2Depois de anunciar o HoloLens no começo deste ano, a Microsoft se manteve preservada com relação aos detalhes. Agora, a empresa de Bill Gates inaugurou um site para o acessório e confirmou que ele estará na E3 2015. O dispositivo, pensado para a realidade aumentada, também está com um canal próprio no YouTube. Phil Spencer, chefão da divisão Xbox, já afirmou, em mais de uma ocasião, que a “realidade aumentada levará a experiência a outro nível” e que os jogos serão importantes para o HoloLens (e vice-versa). Kudo Tsunoda, a mente por trás do HoloLens, elogiou o dispositivo (por que será, não é?) e afirmou que a realidade aumentada tem “mais potencial” que a realidade virtual, já que é uma tecnologia que permite mesclar o mundo digital com o real. A E3 2015 ocorre dos dias 16 a 18 de junho em Los Angeles, nos EUA.
hololens3

Multiplayer Unlocked – Liberado geral de 1º a 3 de Maio

Microsoft confirma que Windows 10 chega para Xbox One ainda este ano

Windows-10_XBOXDe acordo com Paul Thurrott, jornalista com mais de 20 anos de experiência na indústria da tecnologia, o Xbox One deve receber o Windows 10 ainda este ano. A revelação ocorreu durante o evento Microsoft Build 2015, que está acontecendo nos últimos dias em São Francisco, nos EUA. Segundo essa publicação, o console ganhará a versão mais recente do sistema operacional da Microsoft algum tempo depois dele ser distribuído para os computadores — o que deve ser feito entre os meses de junho e setembro, como confirmou a própria companhia. Inclusive, Phil Spencer, o chefão da divisão Xbox, confirmou via Twitter que os participantes do programa “Preview” do Xbox One terão acesso antecipado em um período de um mês ao SO em seus videogames.

Point Blank – Trailer

Veja trailer de lançamento de State of Decay: Year-One Survival Edition

A Microsoft soltou o trailer de lançamento de State of Decay: Year-One Survival Edition para comemorar a estreia do game para Xbox One e PC. Essa edição é uma versão remasterizada em alta definição e com a adição de novos recursos. O Year-One Survival Edition roda em Full HD (1080p) e a 60 quadros por segundo. Lançado originalmente em junho de 2013, State of Decay é um survival horror em que o jogador deve se manter vivo em um mundo aberto e repleto de zumbis. Comida, remédios, abrigo, munição e materiais de construção são necessários para a sobrevivência, mas são escassos. Por um tempo determinado (no PC, é até 12 de maio), o game estará na versão Day One Edition, que vem com pacote de conteúdo chamado Prepper’s Pack – ele traz um veículo utilitário, um machado dobrável e uma arma de fogo. Nesse mundo em caos, toda ajuda é bem-vinda. O remaster State of Decay: Year-One Survival Edition inclui os conteúdos adicionais Lifeline e Breakdown, além de trazer novas armas, veículos e conquistas. O game foi lançado nesta terça-feira, 28 de abril, por R$ 55,99 no Steam (PC) e por R$ 99 no Xbox One. Quem tiver a versão para Xbox 360 ganha 33% de desconto e uma personagem exclusiva.

Currículo de funcionário da Ubisoft confirma sequência de Watch Dogs

aiden_pearce_in_watch_dogs-HD.jpgMesmo duramente criticado por boa parte da crítica especializada e do público, Watch Dogs foi um dos games mais vendidos da Ubisoft em 2014. Dessa forma, não é de se estranhar que a empresa já esteja preparando uma sequência para o jogo — como comprova o currículo de um de seus programadores disponível na rede social LinkedIn. Responsável por parte do trabalho feito no título original e no DLC Bad Blood, o programador de gameplay sênior Julien Risse — da divisão da empresa situada em Paris — também está trabalhando na sequência. Infelizmente, pouco foi revelado em relação ao que podemos esperar do novo título além de sua suposta existência. O CEO da Ubisoft, Yves Guillemot, já havia sugerido que o título estava sendo criado em 2014, mas essa é a primeira vez que temos uma confirmação com tanto peso. A expectativa é a de que a revelação oficial do lançamento — ou ao menos um teaser — surja durante a coletiva da empresa na E3 deste ano. Vale notar que, contatada pela mídia internacional, o estúdio se recusou a fazer qualquer comentário sobre a informação divulgada. Além disso, pouco após a divulgação do currículo de Risse, o profissional apagou qualquer referência a Watch Dogs 2 do LinkedIn — provavelmente resultado de uma ordem direta de seus superiores.

Sabe o que o criador de Gears of War acha da remasterização? Algo “acéfalo”

Cliff_BleszinskiCliff Bleszinski nunca foi de ter papas na língua. O cara solta o que pensa sem ensaios, e convenhamos, cotas para isso não faltam, pois Bleszinski concebeu a trilogia canônica de Gears of War no Xbox 360 e trouxe boas mecânicas ao mercado – foi ele quem ajudou a consagrar o sistema de cobertura e a mira sobre os ombros, mecânicas amplamente utilizadas em jogos de ação em terceira pessoa. Mas o que o criador acha da remasterização de sua própria obra no Xbox One? Algo “acéfalo”. Foi isso que o ex-lead designer da Epic Games disse no Twitter ao comentar sobre a ideia de uma remasterização do primeiro Gears of War no console. Na visão dele, se isso acontecer, que seja para “fazer justiça e arrebentar tudo”. “Seria acéfalo fazer um Gears remasterizado no Xbox One. Se eles fizerem isso, que façam justiça e arrebentem tudo”, opinou o artista usando expressões informais. Enquanto isso, a existência de uma remasterização do primeiro game foi praticamente confirmada após a publicação de imagens de diversas fontes contendo a suposta tela inicial do game – na verdade, o game chegou até a ser testado pela equipe do site Polygon. Apesar disso, nem Microsoft nem Black Tusk Studios confirmaram a informação em caráter oficial ainda. Rod Fergusson, chefão do estúdio, já descartou a existência da famigerada e tão comentada “Marcus Fenix Collection”, que supostamente traria a trilogia canônica remasterizada e todos os DLCs. O executivo, no entanto, confirmou que Gears of War estará na E3 2015. Mas o que você achou dos dizeres de Bleszinski? A ideia de uma remasterização do game original é realmente “acéfala”?

Activision esquiva de questões sobre Black Ops 3 para Wii U, PS3 e Xbox 360

Quando anunciou Call of Duty: Black Ops 3, a Treyarch confirmou o que todos já esperavam, que o jogo vai chegar para PlayStation 4, Xbox One e PCs. No entanto, a empresa não mencionou nada a respeito de uma possível chegada do game aos consoles da geração passada e ao Wii U, o que só serviu para aumentar a ansiedade dos fãs que possuem esses consoles. Questionado sobre o assunto, o chefe do estúdio, Mark Lamia, foi bem direto em sua resposta. “Não existirão ‘ports’. O jogo é feito em múltiplas plataformas, é o começo de uma nova geração e nós estamos mostrando para vocês em todos esses consoles, para desfazer alguns enganos sobre o desenvolvimento”, pontuou. Por conta da experiência da desenvolvedora com a Nintendo, a afirmação do líder foi um balde de água fria para quem ainda tinha esperanças. No entanto, Lamia reiterou que o foco da Treyarch está nas versões para PS4, XOne e PC e disse que outras questões deveriam ser direcionadas para a Activision. A publisher, por sua vez, disse ao Eurogamer apenas que não há planos para anúncios de outras plataformas “no momento, o que abre espaço para que uma third-party seja envolvida para criar uma nova versão para o PS3 e o Xbox 360 – e quem sabe até para o Wii U, embora isso seja difícil”. Enquanto nada é revelado oficialmente, alguns lojistas europeus já deixaram vazar planos para os consoles da geração passada da Sony e da Microsoft, o que pode renovar as esperanças de alguns. Em todo caso, a Activision só costuma anunciar ports de segundo escalão de seus jogos cerca de um ou dois meses antes do seu lançamento, de forma que teremos que esperar até perto de 6 de novembro para saber com certeza.

Black Ops 3 vai contar com uma engine gráfica retrabalhada

call_of_duty_black_ops_3_cover_art_2_by_xandrew2007x-d8p4p0kTal como aconteceu com Call of Duty: Advanced Warfare, o próximo capítulo da franquia — Black Ops 3 — também deve ser beneficiado por um ciclo de desenvolvimento de três anos. Segundo Mark Lamia, chefe do estúdio Treyarch, esse período de tempo estendido em relação ao passado permitiu que os profissionais envolvidos retrabalhassem a engine gráfica do título sem perder os elementos que caracterizam a série. “Eu queria trazer de volta aquelas batalhas insanas que só Call of Duty pode fazer”, afirmou Lamia. “Há muita coisa acontecendo que simplesmente não conseguíamos renderizar toda aquela qualidade a 60 quadros por segundo. Não é possível fazer isso a não ser que você faça uma revisão de todo o sistema”, explicou. Segundo ele, entre as novidades visuais que os jogadores podem esperar estão novos efeitos de iluminação, um sistema de efeitos aprimorado e uma tecnologia de renderização mais eficiente. Além disso, a Treyarch realizou uma série de mudanças mecânicas no jogo, incorporando novas opções de pulo, a possibilidade de andar em paredes e de deslizar pelo chão de forma rápida. “As possibilidades estão lá caso você decida que não quer ligar seus movimentos ou correr pelas paredes ou algo assim”, explicou Lamia. “Eu acredito que você vai querer, mas jogadores que não desejam isso não vão sentir isso como um requisito. O game recompensa igualmente àqueles que querem manter suas ‘botas no chão’. Então, se você jogou Black Ops 2, deve sentir isso como uma evolução natural do momentum, mas se quer jogar de maneira igual ao passado, você também pode fazer isso”.

Estúdio de Far Cry 4 pede doações para ajudar vítimas do terremoto no Nepal

far_cry4_bannerO estúdio canadense Ubisoft Montreal, que desenvolveu o game Far Cry 4, lançou uma campanha de arrecadação de fundos para auxiliar os esforços de resgate e auxílio às vítimas do terremoto de magnitude 7,8 na escala Richter que aconteceu no último sábado (25) no Nepal, matando mais de 5 mil pessoas e deixando tantas outras desabrigadas. A iniciativa se deve muito ao envolvimento da equipe com a região afetada, uma vez que a área onde ocorreu o desastre natural serviu de inspiração para Kyrat, cenário em que se desenvolve a história do jogo lançado no ano passado. Publicações nos perfis oficiais de Far Cry e  da Ubisoft no Twitter comprovam a veracidade da campanha. “Tendo passado os últimos anos trabalhando em Far Cry 4, um jogo imensamente inspirado no Nepal e em seu povo, é com os corações pesados que nós da família Far Cry nos reunimos para levantar dinheiro para a Cruz Vermelha Canadense, que está mobilizando sua equipe médica para Catmandu para oferecer apoio e assistência médica”, publicou o estúdio na página destinada ao recolhimento de fundos. A Ubisoft Montreal também se comprometeu a igualar todas as doações até os primeiros 100 mil dólares arrecadados com a iniciativa. Para entrar no site da campanha e também contribuir, clique aqui.

Project Root – Agora no Xbox One

Mad Max está ficando sensacional

Quem viu o novo trailer do game Mad Max já está no hype para um open world sensacional. O vídeo conta com explosões, tiros e pancadarias dignas do sucesso do filme clássico de 1979, estrelado por Mel Gibson. Para quem não conhece, a história desse universo se passa em um futuro pós-apocalíptico em que tudo é dominado por gangues de motociclistas. O filme ganhou duas sequências, uma em 1981 (“Mad Max 2: The Road Warrior”) e outra em 1985 (“Mad Max Beyond Thunderdome”). A quarta parte da franquia chegará aos cinemas em maio com o título “Mad Max: Fury Road” e contará com Tom Hardy no papel principal. Os produtores do game, que tem previsão de lançamento para setembro, deram mais detalhes sobre a “The Wasteland” — cenário que o jogador vai explorar no título — em entrevista ao PlayStation Blog. “Um momento muito importante para a nossa equipe foi o recente lançamento de informações mais detalhadas sobre o jogo. Foi muito bom podermos compartilhar o que já havíamos produzido, principalmente no artigo da Game Informer. Foi igualmente recompensador ler as respostas dos fãs e sentir o apoio ao jogo e à Avalanche Studios. Temos sorte de ter uma base de fãs tão apaixonada”, informa John Fuller, produtor sênior da Avalanche Studios. No momento, a empresa está se focando em melhorar a fidelidade da “The Wasteland”. Em seus testes, eles estão usando o hardware do PlayStation 4 para conseguir “o máximo de conteúdo e imersão possíveis”.

“Estamos inserindo conteúdos, tanto acima quanto abaixo do chão, para garantir que haja muitas surpresas espalhadas. Fora a paisagem bastante desolada e estéril, a predominância de locais internos é algo novo. Os jogadores terão que se esforçar para encontrar muitos deles, mas valerá a pena!”, diz Fuller. Segundo os produtores, a “The Wasteland” será uma entidade viva no game. Fenômenos climáticos, ciclos de dia e noite, efeitos do céu, tudo isso vai estar incluído para que o mundo de Mad Max seja o mais dinâmico possível e tão intimidante quanto seus habitantes. O jogo é essencialmente uma experiência single player, mas, como os jogadores terão a opção de personalizar muitas coisas, a Avalanche Studios acha importante que eles possam compartilhar tudo. “Teremos mais novidades sobre esse assunto mais para frente”, conclui Fuller.

Black Ops 3 vai ter servidores dedicados a suporte à resolução 4K no PC

call_of_duty_black_ops_3_cover_art_2_by_xandrew2007x-d8p4p0kA desenvolvedora Treyarch divulgou na última segunda-feira (27) uma série de detalhes técnicos de Call of Duty: Black Ops 3. Além de confirmar que o game vai ter um sistema de servidores dedicado, a companhia afirmou que trabalha em oferecer suporte à resolução 4K na versão para PC — que também vai contar com um campo de visão ajustável. Segundo a produtora, a única limitação da versão PC do game deve ocorrer em seu modo multiplayer, cuja taxa de quadros por segundo máxima deve ser de 200 FPS. No entanto, a companhia reforça que ainda é muito cedo para dizer o que vai ou não ser possível fazer com Black Ops 3. Já no campo dos consoles, tanto o PlayStation 4 quanto o Xbox One vão rodar o jogo a 60 quadros por segundo constantes. Embora tenha confirmado que a plataforma da Sony vai trabalhar com o padrão 1080p, a Treyarch não divulgou detalhes técnicos sobre esse quesito no video game da Microsoft — que trabalhava com a resolução 900p em Call of Duty: Advanced Warfare.

Microsoft divulga as novidades do Deals with Gold desta semana

Games-With-GoldAqui estamos em mais uma rodada de descontos para os donos de Xbox One e Xbox 360, cortesia do Deals with Gold. Em mensagem publicada em seu blog, Larry Hryb, conhecido pela comunidade como Major Nelson, divulgou a relação dos jogos que estarão com preço reduzido até o dia 4 de maio. Entre os games da relação para Xbox One estão Madden NFL 15 e Angry Birds: Star Wars, enquanto no Xbox 360 há ofertas de Star Wars Pinball e de algumas mesas extras para o jogo. Apesar de estarem no Deals with Gold, nesta semana todas elas são válidas para aqueles que possuem conta Prata. Somado a isso, essa semana também traz a Spotlight Sale, que é basicamente voltada para os games das franquias Star Wars e Resident Evil, além de outros títulos de séries famosas da Capcom. Confira cada um dos jogos a seguir. Os preços que estão entre parênteses se referem aos praticados na Xbox Live para os Estados Unidos e para o Brasil, enquanto a porcentagem indica a quantidade de desconto oferecido durante o período da promoção.

Xbox One 

  • Madden NFL 15* – 60% de desconto
  • Angry Birds Star Wars* – 80% de desconto
  • Dance Central: Spotlight* – 50% de desconto

Spotlight Sale 

  • Star Wars Pinball Pack – 75% de desconto
  • Star Wars Pinball: Balance of the Force – 50% de desconto
  • Star Wars Pinball: Heroes Within – 50% de desconto
  • Super Ultra Dead Rising 3 Arcade Remix – 40-50% de desconto
  • Dead Rising 3 Season Pass – 40-50% de desconto
  • Resident Evil HD Remaster– 20-25% de desconto
  • Strider – 60-67% de desconto
  • Resident Evil: Revelations 2 (Episode 1) – 40-50% de desconto

Xbox 360 

  • Angry Birds Star Wars* – 75% de desconto (US$ 9,99/R$ 24,75)
  • Madden NFL 15* – 60% de desconto (US$ 23,99/R$ 76,90)
  • Star Wars Pinball* – 77% de desconto (US$ 2,29/preço não listado na página da Xbox Live brasileira)
  • Star Wars Pinball: Balance of  the Force* – 50% de desconto (US$ 4,99/preço não listado na página da Xbox Live brasileira)
  • Star Wars Pinball: Heroes Within* – 50% de desconto (US$ 4,99/ preço não listado na página da Xbox Live brasileira)

Spotlight Sale 

  • LEGO Star Wars: The Complete Saga – 65% de desconto (preços não informados nas páginas da Xbox Live brasileira e americana)
  • LEGO Star Wars III: The Clone Wars – 65% de desconto (preços não informados nas página da Xbox Live brasileira e americana)
  • Star Wars: The Force Unleashed – 65% de desconto (preços não informados nas página da Xbox Live brasileira e americana)
  • Star Wars: The Force Unleashed Hoth – 77% de desconto (preços não informados nas página da Xbox Live brasileira e americana)
  • Star Wars: The Force Unleashed Tatooine – 77% de desconto (preços não informados nas página da Xbox Live brasileira e americana)
  • Star Wars: The Force Unleashed Jedi Temple Mission Pack – 77% de desconto (preços não informados nas página da Xbox Live brasileira e americana)
  • Star Wars: The Force Unleashed II – 65% de desconto (preços não informados nas página da Xbox Live brasileira e americana)
  • Resident Evil 4 – 60-70% de desconto (US$ 5,99/R$ 11,70)
  • Resident Evil 6 – 50-60% de desconto (US$ 7,99/R$ 31,60)
  • Devil May Cry HD Collection – 67-75% de desconto (US$ 7,49/R$ 19,75)
  • Resident Evil Code: Veronica X – 60-70% de desconto (US$ 5,99/R$ 11,70)
  • Dragon’s Dogma: Dark Arisen – 67-75% de desconto (US$ 9,99/R$ 39,75)
  • Dead Rising 2 – 70-80% de desconto (US$ 5,99/R$ 15,80)
  • Asura’s Wrath – 67-75% de desconto (US$ 9,99/R$ 29,75)
  • Lost Planet 2 – 70-80% de desconto (US$ 3,99/R$ 35,80)
  • Lost Planet 3 – 67-75% de desconto (US$ 9,99/R$ 39,75)
  • Remember Me – 70-80% de desconto (US$ 7,99/R$ 31,80)
  • Street Fighter X Tekken – 70-80% de desconto (US$ 7,99/R$ 23,80)
  • Super Street Fighter IV Arcade Edition – 70-83% de desconto (US$ 5,09/jogo não listado na página brasileira da Xbox Live)
  • Ultra Street Fighter IV– 25-33% de desconto (US$ 10,04/R$ 19,43)
  • DuckTales Remastered – 60-67% de desconto (US$ 4,94/R$ 9,90)
  • Super Street Fighter II Turbo HD Remix – 67-75% de desconto (US$ 3,74/jogo não listado na página brasileira da Xbox Live)
  • Supper Puzzle Fighter 2 Turbo HD – 67-75% de desconto (US$ 2,49/jogo não listado na página brasileira da Xbox Live)
  • Strider – 60-67% de desconto (US$ 4,94/R$ 9,50)
  • Dead Rising 2 Off The Record – 67-75% de desconto (US$ 4,99/R$ 9,75)
  • Mega Man 9 – 60-70% de desconto (US$ 2,99/jogo não listado na página brasileira da Xbox Live)
  • Resident Evil 5 – 60-70% de desconto (US$ 5,99/R$ 11,70)
  • Resident Evil Operation Raccoon City – 70-80% de desconto (US$ 7,99/R$ 23,80)
  • Resident Evil: Revelations 2 – 40-50% de desconto (US$ 2,99/R$ 6)
  • Resident Evil – 20-25% de desconto (US$ 14,99/R$ 29,25)

* Descontos válidos para quem possui conta Prata

Halo 5 Guardians – Poster animado

Quantum Break foi adiado para ter mais tempo de desenvolvimento

quantum_theory_2Quando a Microsoft e a Remedy Entertainment anunciaram oficialmente que Quantum Break havia sido adiado para 2016, muitos donos de Xbox One certamente questionaram os motivos da manobra. Caso esteja no grupo que esperava essa resposta, parece que elas surgiram recentemente. De acordo com o site gamepur, o adiamento pode ter ocorrido não por conta de um período conturbado e com diversos lançamentos em 2015, mas sim por problemas técnicos. Além disso, há rumores de que a Remedy pretende usar o DirectX 12 no novo game, algo que ainda não foi confirmado pela produtora. Ainda que a página supracitada tenha mencionado tais motivos para a alteração na data de lançamento do novo jogo da criadora da série Alan Wake, o mais provável é que isso tenha ocorrido para que o time de desenvolvimento tivesse mais tempo para trabalhar no título – afinal, de acordo com Sam Lake, diretor-criativo da produtora, há “muitas ideias e pouco tempo” para colocá-las em prática. Ao responder a outro de seus seguidores, Lake comentou que está totalmente ocupado trabalhando com Quantum Break, e que o game não permite que ele se dedique a outros projetos paralelos, como escrever histórias que envolvem mistério. Exclusivo para Xbox One, Quantum Break deve chegar às lojas em algum momento de 2016, mas sua data exata de lançamento não foi divulgada.

Lojistas indicam existência de Black Ops 3 para PlayStation 3 e Xbox 360

Apesar de a Treyarch e a Activision confirmarem a existência de Call of Duty: Black Ops 3 para PlayStation 4, Xbox One e PC, nada foi falado sobre uma possível versão para consoles mais antigos. No entanto, a rede alemã “BOL” já está listando a disponibilidade do jogo para PlayStation 3 e Xbox 360, embora não indique quando um lançamento deve acontecer. Até o momento, pouco se sabe em relação ao processo de adaptação do mais novo game da franquia. Rumores indicam que a responsável pela transição para as plataformas da “antiga geração” é responsabilidade do High Moon Studios, que também trabalhou em Call of Duty: Advanced Warfare. Com um cenário futurista, Call of Duty: Black Ops 3 deve ter como tema principal o conflito que acontece quando soldados se veem cada vez mais dependentes de partes mecânicas para executar suas missões. Assim como aconteceu com Advanced Warfare, o desenvolvimento do game está concentrado em explorar o hardware do PlayStation 4 e do Xbox One, o que significa que a experiência não deve ser tão boa nas plataformas mais antigas.

Veja uma comparação entre as dashboards do PS4 e do Xbox One

Talvez alguém já tenha sido curioso o suficiente para fazer a seguinte pergunta: como seria um teste comparando as dashboards do Xbox One e do PlayStation 4? Certamente esse foi um dos questionamentos que passou pela cabeça do responsável pelo canal Drift0r no YouTube, e o resultado você confere na janela que está na abertura desta notícia. Para compor o teste, seu idealizador decidiu definir alguns procedimentos simples, como analisar o tempo necessário para iniciar uma partida multiplayer de Call of Duty: Advanced Warfare, carregamento de perfis, acesso às lojas virtuais de cada console e outros elementos. Em alguns dos testes o PlayStation 4 se saiu melhor, abrindo margens consideráveis numa comparação com o Xbox One. O console da Microsoft superou o concorrente apenas no que diz respeito ao carregamento da loja, onde ficou alguns segundos à frente. E aí, o que achou do teste feito pelo usuário do YouTube? Deixe a sua opinião no espaço destinado aos comentários.

Veja novo vídeo de MotoGP 15 com cenas de novas pistas

MotoGP 15, título da Milestone que chegará ao PlayStation 3, PlayStation 4, Xbox 360, Xbox One e PC em junho, teve mais um vídeo liberado. MotoGP 15 é a terceira edição da franquia do estúdio e é focada no famoso campeonato de motovelocidade. O game inclui possibilidades novas de personalização para motos, pilotos e times. Além disso, há também a introdução da moeda virtual GP Credits, a qual serve para adquirir mais de 100 acessórios extras. Podemos conferir no vídeo no topo do texto um pouco das pistas de Motegi, Aragón e Catalunha – inéditas até o momento. O jogo está atualmente em desenvolvimento nos estúdios da Milestone da Itália. Os desenvolvedores aplicaram melhorias no modo carreira – que agora conta com as possibilidade de negociar com os patrocinadores e de escolher times para integrar (contando com eventos reais da temporada anterior e também com pilotos e times da edição 2015 do evento). Embora a nova edição traga gráficos melhorados, a Milestone frisa que os melhores resultados são encontrados nos consoles de oitava geração. E aí, quais são as suas expectativas em relação ao game?

Espere uma conferência melhor para a próxima E3, avisa Microsoft

e3_logoFaltam menos de dois meses para o início da E3 2015, que está agendada para acontecer entre os dias 16 e 18 de junho nos Estados Unidos. Logo, era de se esperar que mais informações relacionadas ao evento começassem a surgir, e as mais recentes são cortesia da Microsoft. Em uma série de mensagens publicadas no Twitter, Phil Spencer, chefe da divisão Xbox na Microsoft, revelou que a conferência para a E3 deste ano será melhor que a vista em 2014. O motivo? A presença de conteúdo mais forte para os próximos meses, além de mudanças interessantes para este ano (possivelmente para a apresentação). Ainda no microblog, Spencer comentou que gosta quando a equipe se testa a fazer algo melhor a cada ano, além de mencionar que, para 2015, estão reservadas novidades não apenas sobre jogos para Xbox One, mas também para aqueles que se divertem no PC. Ansioso para a E3 2015? Aguarda o anúncio ou a apresentação de algum jogo exclusivo da Microsoft no evento?

Enquete

Qual game de 2015 você está mais aguardando?

Ver Resultados

Loading ... Loading ...

Gamerta do Dia

Log In - Usuário

Vendas globais

CALENDÁRIO

maio 2015
D S T Q Q S S
« abr    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  

Última Imagens

Wallpaper (586).jpg Wallpaper (585).jpg Wallpaper (584).jpg Wallpaper (583).jpg Wallpaper (582).jpg Wallpaper (581).jpg Wallpaper (580).jpg Wallpaper (579).jpg Wallpaper (578).jpg Wallpaper (577).jpg Wallpaper (576).jpg Wallpaper (575).jpg Wallpaper (574).jpg Wallpaper (573).jpg Wallpaper (572).jpg Wallpaper (571).jpg Wallpaper (570).jpg Wallpaper (569).jpg Wallpaper (568).jpg Wallpaper (567).jpg Wallpaper (566).jpg

ARQUIVOS 2009-2014

GUB no facebook

GUB no twitter

Twitter - @games_universe